Formspring

Clica aqui e pergunta-me qualquer coisa!

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

A CASA AMARELA DE OVAR

O edifício está abandonado há várias décadas e nem mesmo os residentes mais antigos da zona se lembram de conhecer os donos ou inquilinos.
      A sua história atormenta grande parte da população de ovar, e a história é a seguinte:
Era uma vez uma faustosa casa amarela, onde vivia uma família muito rica que tinha uma única filha, herdeira de todas as posses da família. E era uma vez um rapaz muito pobre que, contra tudo e todos, começou a namorar a jovem herdeira.


      O pai da rapariga, chateado, resolveu terminar a história de amor com o mais irrevogável dos actos, atirando-os ao poço da casa que se situa no centro da sala principal sem uma pinga de compaixão, e lá os deixou morrer.
Mas os remorsos são o pior dos venenos, e assim sendo, dias depois, o próprio pai foi encontrado enforcado sobre o mesmo poço.
      Desde então, o casal assombra a casa, com o objectivo de proteger o seu amor incompreendido de qualquer outra intromissão, por isso se diz que já várias pessoas habitaram a casa, mas nunca conseguiram lá aguentar muito tempo.
      Há anos atrás tentaram deitar a casa a baixo, mas assim que as máquinas começaram a demolir os muros, desligaram-se misteriosamente, e começaram-se a ouvir gritos seguidos de sangue que escorria pelas velhas paredes.
Os trabalhadores aterrorizados não voltaram lá mais.
      Também já tentaram colocar vidros nas janelas, mas mal viravam costas, estalavam todos.
      Os últimos habitantes conhecidos foram uma família de ciganos que ao ver a mansão abandonada e longe de vigilância, acharam por bem ali ficar, mas foram-se embora na mesma noite deixando todos os seus pertences para trás.  


36 comentários:

  1. Olá tenho tábuas de Ouijas se interessar...
    http://www.facebook.com/paranormalmeokanal

    ResponderEliminar
  2. Eu e uma amiga visitamos a casa recentemente e sentimos arrepios pelo corpo. No andar de baixo, sentimos que alguém nos estava a observar.

    ResponderEliminar
  3. mentiraaaaaaaaaaaaa, é tudo peta, eu já vivi aí nunca se passou nada, so saí porque tive uma proposta de trabalho em lisboa. afirmo também que bebi água do poço!! quanto aos vidros, partiram dois porque ordinários passaram na rua e atiraram pedras. por curiosidade comprei a casa à era imobiliário, quem estiver disposto a comprar vendo por 150 mil €

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. que idade tens puto? 14 anos e já trabalhas? fantástico escavação infantil em portugal........
      acabaste de perder uma óptima oportunidade para estares calado -.-

      Eliminar
  4. Por curiosidade, ao fim de ouvir tantos rumores ja lá fui as 3h da manha com dois amigos e visitamos a casa toda e apenas encontramos roupa de supostamente um sem abrigo. Nada mais se passou.
    Cada um consegue acreditar no que quiser, no que a nossa mente o permitir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é so rambos mas keria vos ver a la entrar e fzr cenas atao

      Eliminar
    2. ora nem mais andre rocha , cada um cria os bichos que imagina ;)

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Pacha quando lá vamos dar uma party ??? Ahahah

      Eliminar
    2. Pacha quando lá vamos dar uma party ??? Ahahah

      Eliminar
  6. Será que isso e mesmo verdade tenho que ir la com os meus niggas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. claro que nao, é ganda peta ahhaha, pra ser mesmo rambo é entrar lá com uma coluna debaixo do braço a dar ganda som e o resto é letra ahhaha

      Eliminar
  7. Já morei lá perto e nunca vi ou ouvi nada de especial ,coitada da casa e da fama que ganhou , só pq foi abandonada . Poupem as eronias e abram lá um bar ....lol

    ResponderEliminar
  8. História bonita, mas nada verdadeira...
    Cumpz,

    ResponderEliminar
  9. Já lá estive e não tenho nada de relevante para contar sobre a casa, tem um buraco na sala e um poço no jardim

    ResponderEliminar
  10. essa casa é boa é para o people fazer uma noitada kkkk , uhhhhhhhhhhhhh, a unica sena de estranho que me aconteceu nessa casa foi foder o braço num gancho , que até hoje tenho a cicatriz ;))

    ResponderEliminar
  11. Meus amigos , eu vivo em Lisboa mas desde jovem que vivi em Ovar e conheço bem a casa , é assim se abrissem um verdadeira casa de swing com casais a foderem nas escuras , com muito erotismo á mistura , de certeza que todos os fins de semana estava cheio,

    ResponderEliminar
  12. Óh andre...zito ! És msm puto ignorante. Conheço bem a casa, aguentei 3 horas lá dentro. Tu não aguentas nem 3 segundos. Agora faço um desafio aos valentões: acompanho vos à casa e quero ver homens a entrar... taditos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se assim se for, com bom material se o tiverem, lá estarei ;)

      Eliminar
    2. Se assim se for, com bom material se o tiverem, lá estarei ;)

      Eliminar
  13. Eu estive la em 2006 por curiosidade da lenda, fui cm uma amiga e filmamos a casa por dentro. Mt vandalizada, seringas no chao, velas e coisas de bruxaria, paredes escritas. So sei k tinha muita fruta nas arvores, o poco com muita agua e a casa tem uns retoques lindissimos por dentro. Na gravacao n vi nada de sombras ou fantasmas....

    ResponderEliminar
  14. Eu estive la em 2006 por curiosidade da lenda, fui cm uma amiga e filmamos a casa por dentro. Mt vandalizada, seringas no chao, velas e coisas de bruxaria, paredes escritas. So sei k tinha muita fruta nas arvores, o poco com muita agua e a casa tem uns retoques lindissimos por dentro. Na gravacao n vi nada de sombras ou fantasmas....

    ResponderEliminar
  15. Todos têm uma valentia extraordinária...uns já lá foram, nunca viram nada, outros dizemn que é mentira embora nunca lá tenham ido para experimentar, outros até dizem que se lhes dessem a casa que iam para lá morar...etc.etc.etc. mas o que é certo é que esses valentões não aparecem, há noite, para acompanharem uma equipa especializada em fenómenos paranormais e para depois pooderem falar com razão...até lá são muito valentes mas escondem o rabo.

    ResponderEliminar
  16. Bom, desposta a colaborar com a equipa paranormal, desejo que me informem assim que forem feitas novas actividades relacionadas. Dês de pequena que conheco a casa por palavras de boca em boca, sempre gostei deste tipo de casas, embora a casa amarela sempre me tenha colocado uma certa pressao, e por isso lá não ter entrado enquanto mais nova. À pouco tempo, visitei a casa por uma conversa de escola que me impulgou a fazelo, fui lá 3 vezes com uma amiga, da primeira, ainda não tinha pesquisado muito sobre a casa, recordo me que ouvi gritos de crianca, dos quais pelo menos queria pensar serem do lado de fora da casa de possíveis ou eventuais criancas que lá tenham passo por perto naquele momento. Sem certeza, não posso afirmar. Estive na casa toda, excepto na parte de baixo por não ser possível o acesso, pois as escadas estão quebradas e não da para passar, visitei o posso que embora com escada não desci,vi o terreno, e tudo me pareceu "normal". Lembro me da sensação de bem estar que senti, como se fosse a minha casa e nada fosse anormal.. Saí de lá com a sensação que lá teria que voltar e que o porquê se havia de se revelar.. Sigi a minha juntos, apenas! Não sei explicar. No segundo dia, voltei lá com a minha amiga, voltei a sentir me bem lá dentro inexplicavelmente. Tudo foi normal, tivemos a precessão dos multiplos símbolos do ocultismo que lá se encontram, o símbolo da anarquia é algo que me suscita alguma exaltação.. Contudo, saímos da casa e aí, "talvez" tenha tido a tal resposta de querer tanto lá ter voltado e continuar a ir. Á cerca de dois anos o meu namorado inforcou-se, nunca me dei ao trabalho de perceber se foi dentro, se foi fora, se foi mesmo ao lado de um poço, o certo é que expressão para mim uzada quando me comunicaram o sucedido foi "no poco" e talvez por isso quando se fala de poços eu sinta que "é melhor mudar de conversa", não sei explicar.. O que é certo é que à saída e por motivos tão simples quanto tentarmos não sermos vistas pelas pessoas/carros á saída da casa, e isto, para quem conhece a casa, logo á entrada enfrente á rotunda, estabavamos nos baixadinhas á espreita por entre as frinchas do muro da casa quando decido eu olhar para a minha direita onde se encontra uma entrada escura, quando impulsivamente olho para a esquerda e estranhamente me deparei com o nome do meu namorado na parede em tamanho grande e escrito a vermelho, fiquei sem reação, á minha frente e também baixada estava a minha amiga, toqueilhe e pedi que olhasse para a esquerda, ela soltou um grito, acho que se assustou mais até do que eu em que naquela altura me passaram 500 pensamentos na cabeça e ao mesmo tempo, resumido a nada.. Entretanto dessidimos ir embora e independentemente dos carros que passaram nòs fomos, naquela altura até eu só queria sair de lá muito rapido!

    ResponderEliminar
  17. (Continuação do texto anterior por excesso de caracteres)

    A conversa da casa voltou a suceder se entre escola, e como tal eu quis lá voltar e gravar um vídeo pela casa toda, embora também tenha tentado ir á parte de baixo e até mesmo tentado colocar a porta de maneira a passar ela deslizou pelas escadas até lá baixo, não deu, plano falhado! Continuei a filmar o vídeo, até lá fora, passei pela casa toda e inclusive tentei incluir no vídeo as imagens/frases/símbolos/ que eu achei relevantes, por último, encontrei o meu nome escrito na casa, alias.. O vídeo parou nessa altura! Na hora fiquei chocada.. Mais uma vez a achar que aquela casa realmente me atrai e que talvez fassa algum sentido. Tenho, imagens, tenho o video, em que me deparo com algumas coisas estranhas, nao quero colocar o video á disposicao de todos pelo facto de que nas imagens estão também as nossas caras (a da minha amiga e a minha), que nao quero mostrar a todos por uma questao de protecao de identidade de ambas. Agora sinto que quero lá voltar, mas só com a certeza de que consigo ir lá baixo! Algumas coisas estranhas se tem passado, e como tal o meu interesse aumentado, talvez não seja a melhor opção, mas não descanso enquanto isso não acontecer. Demorei a perceber se o deveria fazer, se mencionar isto no site, se não.. Resolvi fazelo para que pessoas especializadas possam contactar-me e juntos analisarmos a situação! Fico á espera.

    ResponderEliminar
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  20. Pode ser verdade ou pode ser mentira, eu já lá entrei com um amigo porque eu sempre gostei do paranormal e confesso que ao entrar senti arrepios mas pronto, entrei, sempre a gravar, fui até lá abaixo, andei vezes sem conta nos mesmos sítios e nada, o mais estranho que aconteceu foi o vídeo ser gravado com som, na camera dar com som, mas quando cheguei a casa para o editar e colocar na net primeiro o som não funcionou mais e depois nunca mais encontrei o vídeo, é assim ... não duvido que lá exista mais do que se espera mas se tal existe é de agradecer a quem já lá jogou com um tabuleiro de Ouija pois acredito que nada ía estar assim se não fossem soltas ainda mais forças negativas.

    Gostava de lá voltar e passar umas horas lá com amigos ou peritos desde que fosse com o material certo.

    ResponderEliminar
  21. Pode ser verdade ou pode ser mentira, eu já lá entrei com um amigo porque eu sempre gostei do paranormal e confesso que ao entrar senti arrepios mas pronto, entrei, sempre a gravar, fui até lá abaixo, andei vezes sem conta nos mesmos sítios e nada, o mais estranho que aconteceu foi o vídeo ser gravado com som, na camera dar com som, mas quando cheguei a casa para o editar e colocar na net primeiro o som não funcionou mais e depois nunca mais encontrei o vídeo, é assim ... não duvido que lá exista mais do que se espera mas se tal existe é de agradecer a quem já lá jogou com um tabuleiro de Ouija pois acredito que nada ía estar assim se não fossem soltas ainda mais forças negativas.

    Gostava de lá voltar e passar umas horas lá com amigos ou peritos desde que fosse com o material certo.

    ResponderEliminar
  22. nos anos 90 visitei a casa diversas vezes durante o dia, e uma vez decidi me a passar lá a noite,dormir...nao foi planeado, estava cançado moro nos arrabaldes do conçelho de ovar ia a caminho e decidi me ficar por lá até o dia clarear,,,é de facto assim como algumas pessoas assim o descrevem...vi o poço no meio da casa no interior, mas já tapado,,as paredes pintadas de vandalismo...roupas e ninhos enfarrapados de sem abrigo,drogados de lá dormirem...e esse era o meu medo, quando lá passei a noite, ser surpreendido por quem lá de facto dormia,,,estava sempre vigilante ao menor barulho,lá adormeci..acordei de manha....nada de paranormal senti,ouvi,,,nada,,,de facto só tinha receio dos drogados e sem abrigo..estava na cama deles....levantei me fui me...e poucos acreditaram que la passei a noite,,,mas passei mesmo.....a unica sençacao paranormal que senti,foi na manha do dia a seguir em que já dormi na minha casa...de manha ao acordar vi uma luz a minha frente,em segundos essa luz move se para dentro duma tomada electrica tudo isto com um som tipo electrico.....nunca mais vi esse tipo de luz energia a escapulir se pelos buracos duma tomada electrica...estou comvencido que teve a ver com essa minha estadia na casa amarela..algum tipo de energia que veio comigo...e depois foi se

    ResponderEliminar